Bolsonaro diz que tomará hidroxicloroquina e ivermectina se pegar Covid de novo – Foto: Adriano Machado

Nesta quinta-feira (14), o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender o tratamento precoce e o uso de medicamentos sem eficácia comprovada, dizendo que, se for reinfectado pelo coronavírus, fará novamente o chamado tratamento precoce e “ponto final”.

Entre os medicamentos do chamado “kit covid” estão a hidroxicloroquina e a ivermectina, que não apenas não tem efeito no tratamento da Covid-19, como podem resultar em graves efeitos colaterais.

A defesa do governo ao tratamento precoce tem sido alvo de investigações da CPI da Pandemia no Senado Federal, que está na reta final. O relatório deve ser apresentado na próxima terça-feira (19).

“Eu falo aqui, olha, se eu for novamente hoje reinfectado, eu vou tomar hidroxicloroquina e ivermectina, ponto final. É a minha vida que está em jogo”, disse Bolsonaro, em entrevista a uma rádio de Pernambuco. O presidente afirmou também na entrevista que, se o médico não prescrever os medicamentos, procurará outro.