José Luiz Datena
José Luiz Datena, apresentador do Brasil Urgente, quer deixar a Band para concorrer à presidência em 2022 – Foto: Reprodução/Instagram

O apresentador José Luiz Datena, tradicional nome do jornalismo da Band, anunciou durante a apresentação do seu programa, o “Brasil Urgente”, que pretende entrar para a política no próximo, e que para isso, precisa deixar a emissora paulista.

Em declaração, ao vivo na programação da emissora, Datena citou o filósofo Platão, para falar sobre seus objetivos na política e que pretende entrar para ser um “bom brasileiro”, lembrando as lições do pensador grego quando dizia que é preciso entrar na política para ser um bom cidadão, e assim, assumir os lugares ocupados pelos maus políticos.

O desejo do apresentador entrar para a política não surgiu há pouco tempo, segundo ele mesmo contou. Datena, que em julho deste ano se filiou ao PSL, falou que há muito ambiciona entrar para a política e só não o tinha feito ainda, por dar ouvidos a comentários negativos sobre o mundo em que ele está querendo se inserir. “Um dia, um político importante disse que político não tem senso ridículo. O outro me disse que político não pode ter ética. Por essas frases e outras eu não entrei para a política até agora”.

O nome de José Luiz Datena já chegou a ser citado em pesquisa eleitoral para a presidência da República. Contudo ele não é o único pretenso candidato no grupo político. Filiado ao PSL, o jornalista deve enfrentar a concorrência de pré-candidatos do DEM, visto que os partidos estão acordados em uma fusão que fará nascer um novo partido político que abrigará os filiados das duas siglas: o União Brasil. O principal nome dentro do DEM, concorrente de Datena ao posto de candidato do União, é o ex-ministro da saúde de Bolsonaro, Luiz Henrique Mandetta, que também tem o nome sendo citado em pesquisas eleitorais.