Os crimes começaram na madrugada de sábado (27), na cidade de Assu, onde foi morto João Evangelista da Silva, 59 anos de idade, natural da cidade de Ipanguaçu. A vítima teve sua casa invadida por criminosos e executado a tiros enquanto dormia em uma rede no quarto da casa.

Na tarde deste domingo 28 de novembro, um jovem identificado como Guido Marques da Silva de18 anos de idade, estava na casa de um primo, em Areia Branca, na região da Costa Branca do estado, ajudando a fazer uma mudança quando dois homens armados entraram na casa e anunciaram o assalto. Guido Marques foi baleado e socorrido para o hospital da cidade, no entanto não resistiu aos ferimentos.

 Ainda na tarde de domingo, uma briga em um bar acabou em assassinato. William Freitas de 27 anos, foi ferido com uma facada na barriga, pelo parceiro de bebida e acabou morrendo no Centro Cirugico do Hospital Tarcísio Maia, pra onde foi socorrido pelo SAMU. Outro caso de bebedeira que terminou em homicídio, aconteceu na noite de domingo em Apodi. A vítim\a foi João Vitor, 21 anos ferido a facadas e morreu no meio da rua.

Outro homicídio foi registrado na cidade de Tabuleiro Grande, onde um jovem de 19 anos de idade, identificado como Pedro Vitor Varela da Silva, foi morto com vários disparos de arma de fogo. A vítima estava em casa, quando elementos chegaram em um carro chamaram por seu irmão, Deivinho e quando a mesma foi atender o chamado foi alvejado e morreu na horas.

Madrugada de Segunda feira (29), um homem identificado apenas João, que segundo informações seria de Natal, capital do estado, foi morto a tiros dentro de casa em uma Vila no Planalto 13 de Maio em Mossoró. Os seis corpos passaram pelo ITEP, unidades de Mossoró e Pau dos Ferros e depois de examinados foram liberados para os familiares. A até o momento nenhum suspeito de participação nesses assassinatos foi preso. A Polícia Civil investiga os casos.