Essa é a 3ª transferência de presos desde a fuga dia 14 de fevereiro. Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O Ministério da Justiça e Segurança Pública nomeou Roderick Ordakowski como o novo diretor da Penitenciária Federal de Mossoró. A decisão foi oficializada no Diário Oficial da União nesta terça-feira (9).

A penitenciária de Mossoró registrou a primeira fuga da história do sistema prisional federal no Brasil em 14 de fevereiro deste ano. Deibson Nascimento e Rogério Mendonça, os fugitivos, foram recapturados no Pará após 50 dias e devolvidos à unidade de Mossoró.

Ordakowski foi nomeado diretor substituto da Penitenciária Federal de Mossoró em abril deste ano, logo após a recaptura dos fugitivos. Ele substituiu Carlos Luís Vieira Pires, que estava como diretor interino desde a fuga. Humberto Gleydson Fontinele Alencar, diretor na época da fuga, foi afastado e dispensado do cargo em abril.

Antes de assumir em Mossoró, Ordakowski estava na direção da Penitenciária Federal de Porto Velho (RO). No sistema penitenciário federal desde 2009, ele é bacharel em direito e possui pós-graduações na área. Seu histórico profissional inclui participação na Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária na Penitenciária de Alcaçuz, no Rio Grande do Norte, em 2017.

______________________________________________________________________________________________

Quer receber notícias úteis, relevantes, informativas e divertidas?

➡️ Assine gratuitamente a Comunidade do NOVO no Whatsapp.
➡️ gratuitamente o Canal de Notícias no Telegram.
➡️ Siga o NOVO Notícias no Twitter.

______________________________________________________________________________________________