O médico potiguar Charles Sá, de 59 anos, sobrevivente de um trágico acidente ocorrido na terça-feira (18) na estrada Otavi-Otjiwarongo, região de Otjozondjupa, na Namíbia, aguarda pela marcação do seu julgamento pelas autoridades locais.

Charles Sá está internado em um hospital na cidade de Otjiwarongo. Segundo a Embaixada Brasileira no país, foi identificada uma fratura em uma vértebra e “ele não poderá se mover muito e precisa de acompanhamento médico constante”.

Ainda segundo a nota emitida pela Embaixada, o potiguar “ainda não é réu e ainda não há processo formalizado contra ele”.

Na continuação da nota, foi informado que não há uma data definida para ocorrer a audiência, a marcação está condicionada a evolução do quadro clínico do médico. Charles conduzia um dos veículos e teria provocado o acidente por conta de uma ultrapassagem.

As autoridades brasileiras destacaram ainda que ele não se encontra em uma unidade prisional. “Ele não está encarcerado e nem condenado. Está apenas aguardando sua audiência preliminar sob vigilância das autoridades policiais, por se tratar de um estrangeiro”, ressaltou a nota.

Quem é Charles Sá?

O médico cirurgião-plástico potiguar Luís Charles Araújo de Sá, conhecido como Charles Sá, é formado pela Universidade Federal do RN no ano de 1988. Cursou especialização em Cirurgia Geral no Hospital Carlos Chagas no Rio de Janeiro durante 2 anos. Em 1994, ingressou no curso de pós-graduação em Cirurgia Plástica da PUC-Rio serviço do professor Ivo Pitanguy.

Participou de duas expedições brasileiras ao Continente Antártico como médico da Marinha. Em 2019, após aprovação em concurso público, ingressou como cirurgião plástico na universidade do estado do Rio de Janeiro-UERJ.

Estava casado com a também cirurgiã plástica, Natale Gontijo, há mais de 20 anos. Natale era mineira, morava com o marido no Rio de Janeiro e trabalhava atualmente em Verona, na Itália. O casal também possuía clínicas em Natal (RN) e em Belo Horizonte (MG).

Os brasileiros pretendiam cruzar países da África fazendo um safari expedicionário.

Como foi o acidente?
Conforme o jornal local NBC Digital News divulgou que, segundo uma autoridade policial, o médico dirigia um Toyota Fortuner por uma rodovia na região de Otjozondjupa. Em um determinado momento, ao realizar uma ultrapassagem, se chocou violentamente com outro veículo que trafegava no sentido contrário.

Quem são as vítimas do acidente?
O jornal local The Namibian, detalhou a identificação das vítimas que morreram no acidente. Segundo o jornal, as vítimas foram: Eduardo Tyimbsndi, 63 anos, que se acredita ser um sul-africano; Sofia Likuva, 83 anos; Festus Ndakolo, 29 anos; Nelson Linyunga, 28 anos; Reagan Kwala, 40 anos; Titus Limanga Johannes, 41 anos; Anna Rangaman, 13 anos e Hendrick Mazambo Gab, 2 anos.
A nona vítima é a médica mineira, esposa de Charles, que chegou a ser socorrida e levada a um hospital local, mas não resistiu.

Conselho Federal de Medicina acompanha caso

O Conselho Federal de Medicina (CFM) se pronunciou sobre a situação do médico potiguar que vive dias de angústia na Namíbia. Em nota, a autarquia disse que está em contato com o Ministério da Saúde do país africano para obter informações e oferecer o suporte necessário.
O CFM presta ainda solidariedade a Charles Sá e aos familiares de todas as vítimas, e destaca que “espera que as apurações sejam conduzidas de forma célere, preservando-se o direito de ampla defesa e contraditório ao médico potiguar, envolvido involuntariamente nesta tragédia”.

Pronunciamento
O médico potiguar falou pela primeira vez neste final de semana. O contato aconteceu nas redes sociais do jornalista Chrystian de Saboya. “Estou aqui vivo, com uma pequena fratura na coluna aguardando as autoridades locais, não entendi ainda o porquê fiquei vivo. (…) Aqui é mão inglesa. Na batida fiquei desacordado, não lembro de muita coisa. Infelizmente no outro carro estava com 8 pessoas. Nunca tinha batido de carro em toda a minha vida. Esta foi a primeira vez. Bafômetro foi negativo”, relatou Charles de Sá.
Falou ainda sobre a perda de sua esposa. “Natale ainda saiu viva e morreu no hospital. Infelizmente, estou destruído e não estou me importando com muita coisa. Perdi o amor da minha vida… não sei como será meu amanhã… aproveito para agradecer a muitas pessoas que estão orando por nós (…). Somos gratos por tanto amor e solidariedade. Por hoje é só”, finalizou Charles.

______________________________________________________________________________________________

Quer receber notícias úteis, relevantes, informativas e divertidas?

➡️ Assine gratuitamente a Comunidade do NOVO no Whatsapp.
➡️ gratuitamente o Canal de Notícias no Telegram.
➡️ Siga o NOVO Notícias no Twitter.

______________________________________________________________________________________________