Foto: Pedro França/Agência Senado

O empresário Flávio Azevedo (PL-RN) tomou posse como senador nesta quarta-feira (19), em solenidade no Plenário do Senado. Ele foi eleito em 2022 como primeiro suplente do senador Rogério Marinho (PL-RN), que se licenciou por 120 dias para tratar de interesse particular e deve ficar afastado até meados de outubro.

Rogério Marinho informou que vai se afastar do cargo para participar das articulações partidárias nas eleições municipais, que acontecem em outubro deste ano, no Nordeste. 

Após fazer o juramento de posse e prometer guardar a Constituição Federal e as leis do país, Azevedo elogiou a atuação de Rogerio Marinho e afirmou que fará “o possível” para substituí-lo. “Vai ser muito difícil, quase impossível, substituir o senador Rogerio Marinho. É uma missão difícil e espinhosa, mas vou ter que fazer o possível para isso”, declarou.

No breve pronunciamento de posse, o novo senador acrescentou que “quando a Justiça é injusta, nós temos todo o direito de desobedecê-la”.

O empresário afirmou que essa frase será o norte de seu mandato. “Eu faço dessa frase a minha inspiração para os quatro meses que vou passar aqui”, disse.

Flávio Azevedo, que assumiu a vaga, foi presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte de 2003 a 2011 e vice-presidente da Confederação Nacional da Indústria, entre 2008 e 2011.

______________________________________________________________________________________________

Quer receber notícias úteis, relevantes, informativas e divertidas?

➡️ Assine gratuitamente a Comunidade do NOVO no Whatsapp.
➡️ gratuitamente o Canal de Notícias no Telegram.
➡️ Siga o NOVO Notícias no Twitter.

______________________________________________________________________________________________