Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte, através da 85ª Delegacia de Polícia de João Câmara, cumpriu mandados de busca e apreensão em locais associados a um empresário de 34 anos, executado na manhã de quarta-feira (3) na cidade. O homem era investigado por envolvimento em receptação qualificada, lavagem de dinheiro, adulteração de veículos automotores e estelionato.

Conforme relato da equipe da 85ª DP, dois homens chegaram à loja de motos do empresário na manhã de quarta-feira (03). Um dos indivíduos disparou uma arma de fogo contra a vítima, atingindo-a na região do peito, sem roubar nenhum pertence. Após o crime, os suspeitos fugiram em um Hyundai HB20 sedan, cor cinza. A Polícia Civil iniciou imediatamente as diligências para localizar e identificar os autores do crime, assim como a motivação do homicídio. As investigações seguem em andamento.

A operação de busca e apreensão, inicialmente planejada para a manhã de quinta-feira (04), foi antecipada para a tarde de quarta-feira (03) devido à coincidência dos eventos. Na residência do empresário, foram apreendidas munições, carregadores de pistola e uma quantia significativa de dinheiro. Na loja, a polícia encontrou motocicletas adulteradas, veículos de luxo e várias anotações. Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela 2ª Vara da Comarca de João Câmara.

A operação contou com o apoio do Grupo Tático Operacional (GTO) do 14º Batalhão de Polícia Militar.

______________________________________________________________________________________________

Quer receber notícias úteis, relevantes, informativas e divertidas?

➡️ Assine gratuitamente a Comunidade do NOVO no Whatsapp.
➡️ gratuitamente o Canal de Notícias no Telegram.
➡️ Siga o NOVO Notícias no Twitter.

______________________________________________________________________________________________