Série sobre assassinato da atriz Daniella Perez tem data de estreia
Daniella e Glória Perez. Foto: Reprodução

Com estreia agendada para o dia 21 de julho, na HBO Max, a série Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez, que reconstitui o processo envolvendo um dos crimes mais brutais vistos no Brasil. Composta de cinco episódios, produção conta com direção de Tatiana Issa e Guto Barra, que assina o roteiro.

A jovem atriz e bailarina Daniella Perez, filha da autora Glória Perez, foi assassinada em 1992, aos 22 anos, por Guilherme de Pádua e sua esposa, Paula Thomaz.

Passados trinta anos, Glória Perez não descansa em sua busca pela verdade que paira por trás desta história trágica, que fez sua vida mudar radicalmente e para sempre. No decorrer da série, Glória compartilha sua experiência, enquanto produção via expondo registros inéditos de pontos levantados pelas investigações e o que foi o julgamento de homicídio duplamente qualificado.

Luta de uma mãe

Gloria Perez foi persistente e não mediu esforços para que a justiça fosse feita e os assassinos de sua filha fossem julgados e presos. Sua luta foi intensa, ela rastreou testemunhas, identificou evidências e ajudou a expor erros das autoridades. Dessa forma, teve atuação fundamental na resolução do caso.

Série Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez conta ainda com relatos inéditos de familiares e de amigos, como o Raul Gazolla, viúvo da atriz, Claudia Raia, Fábio Assumpção, Maurício Mattar, Cristiana Oliveira e Eri Johnson, entre outros.