O Blog Daniela Freire teve acesso antecipadamente à imagem que mostra o acordo selado entre a governadora Fátima Bezerra e o deputado federal e presidente do MDB no RN Walter Alves, para que o MDB seja indicado como o vice na chapa governista que disputará as eleições. E obteve também com exclusividade os detalhes da conversa ocorrida hoje no início da tarde em Brasília, quando o ex-presidente Lula recebeu, junto com a presidente do PT Gleisi Hoffmann, Fátima e Walter.

No encontro, o presidente ressaltou a importância de os dirigentes, militantes, governantes e parlamentares do PT nos estados estarem sintonizados com a política nacional de alianças. O presidente lembrou que ele próprio terá como seu vice o ex-governador de SP Geraldo Alckmin (ex-PSDB, agora no PSB.

A governadora lembrou a Lula, no entanto, que a aliança, conforme desejada e desenhada em âmbito nacional pelo PT, ainda depende de aprovação da Executiva Estadual do PT no RN, mas ela garantiu que vai cumpriro o seu compromisso com Lula de fazer a defesa de um amplo arco de sustentação ao projeto democrático e de enfrentamento à extrema-direita e à miséria advinda com Bolsonaro e a política econômica do ministro Paulo Guedes (Fazenda).

Um presente à reunião anotou uma frase de Lula que resume bem o espírito da conversa: “Deslocar setores do campo democrático para derrotar o bolsonarismo é tarefa daqueles e daquelas que têm compromisso histórico-político com a classe trabalhadora e as populações mais vilipendiadas em seus direitos”.